segunda-feira, 13 de outubro de 2008

três lunáticos



conversa a três:
-e se nós não somos os únicos? um universo tão grande, exclusivo para nós?
-provas já temos de existência fora de nosso humilde planeta, o que falta é o contato.
-pra mim é tudo invenção desse capitalismo barato.
-como invenção capitalista? você acha que a criação de toda essa especulação foi para promover charlatões como o Urandir na TV? francamente.
-não, mas para vender uns livros talvez.
-tais louco? dizem que há vestígios escondidos pelo governo para não chocar a população, e anos de estudos encima deles. Lembro-me de uma foto que correu o mundo tirada dentro de um dos laboratórios de pesquisas.
-se nós mal conseguimos explorar o planeta vizinho, como podemos afirmar que somos a única nação existente?
-tava lendo sobre uma mulher, que jura ter recebido uma mensagem dizendo sobre uma possível visita 'externa' dia 14 de outubro.
-mais poxa é amanhã cara! vou comprar roupa nova pra ficar nos trinques.
-balela galera! vou curtir uma gelada e meus cigarros enquanto vocês se preocupam com a vida alheia...

E lá se vai o cético,olhando para o céu e vendo aquele pequeno ponto distante que denominaram Terra, perguntando-se o que estariam fazendo por lá.

Um comentário:

m. disse...

bela crônica

-Mariana