sábado, 1 de novembro de 2008

corrida contra

O tempo
à tempos
há tempos
Há tempo

passa
se foi
que foram
para voltar,

atrás.

4 comentários:

miguel disse...

o tempo é uma variável.
nele se vai, se volta, se pára.
a merda é que nós humanos nos tornamos uma constante.

e, se me entende, é possivel pará-lo certos momentos, sair da constante, sermos nós mesmos.
a memória nos encarrega de neles voltarmos, e cada passo nosso nos leva aonde ele vai.
'o tempo leva, mas também traz'
como ja dizia alguém antes de mim.

lucas panoni oliveira. disse...

ah, o tempo.
como gostaria que parasse, ou voltasse.

Rafa. disse...

mas meu deus do cééu!
acho que minha ausência serviu pra você escrever ainda melhoor...
li cada um deles, e não me decidi ainda pelo melhor.
tempo é algo que só depende de nós... quantas vezes desejamos que ele passe rápido, mas no segundo seguinte o destino nos surpreende e coloca algo no nosso caminho que faz realmente nos querermos parar o tal do tempo.
o tempo não é dono de sentimentos, não é medidor de carinho... prova disso somos nós! o tempo só faz bem... tira o que nos faz mal da nossa atenção, e coloca coisas mais relevantes no caminho.
o tempo... o tempo é algo pra se desfrutar com aqueles que valem a pena, com aqueles que fazem o tempo curto demaiis pra nós... esses sim valem a pena! o tempo faz a rotina que vc diz estar na sua retina. o tempo é só uma invenção maluca de alguém que queria desculpas para não fazer acontecer. o tempo faz as pessoas não serem tão engraçadas como costumavam ser.. mas nem ele é capaz de desfazer o que já foi feito, de desamar quem já amou.
afinal, ele é só o tempo.

billy disse...

acho que pensar demais sobre o tempo acaba nos fazendo perder tempo, não?
por mais plausíveis que sejam as conclusões sobre ele, é como se fosse uma ampulheta, nenhuma das nossas hipóteses faz o grãozinho de areia retornar...
eu pensei tanto, taaanto sobre tempo esse ano que acabei por esgotar o meu tempo a ser perdido com o tempo.
OI, deixa eu calar a boca que nem tô entendendo mais a linha de raciocínio.